• Pablo Mingoti

A incrível experiência de trabalhar na Disney como cast member

Entrevistamos Ana Flávia Delsin que coleciona lembranças do trabalho no complexo da Disney em Orlando


Quem acompanha a gente aqui no site, já deve ter lido algumas matérias sobre o intercâmbio da Disney, inclusive já realizamos entrevistas com pessoas que participaram do intercâmbio. E hoje, nós resolvemos entrevistar a Ana Flávia Delsin que tem 23 anos, cursa Engenharia Civil na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), no interior de São Paulo e realizou o sonho de trabalhar no maior complexo de entretenimento do mundo.


Ana Flávia foi aprovada no processo seletivo de 2019 e trabalhou em diferentes locais desde a World of Disney até o complexo ESPN Wide World of Sports. Além de descobrir os detalhes escondidos da Walt Disney World Resort, Ana vivenciou momentos mágicos e conheceu pessoas incríveis. A entrevista completa, você confere abaixo:


Viva Disney e Orlando: Conte quando e como surgiu a ideia de trabalhar na Disney?


Ana Flávia Delsin: Eu sempre fui muito apaixonada por Disney, e depois que tive a oportunidade de conhecer como guest, em 2013, fiquei ainda mais encantada. Em 2017 descobri pelo Instagram uma brasileira que estava trabalhando lá, e comecei a pesquisar como isso acontecia e tudo que eu precisava fazer. Foi aí que descobri o ICP (International College Program) e decidi que eu queria tentar! Em 2018 não consegui me inscrever pro processo seletivo, por conta de a inscrição esgotar em minutos de tão concorrida. Nesse tempo descobri muito sobre o programa, acompanhei vários cast members brasileiros e tive mais certeza ainda que eu queria viver aquilo. Consegui prestar o processo pela primeira vez em 2019, e fui aprovada! 



Viva Disney e Orlando: Você deve ter vivido incríveis experiências. Conte algumas que vão ficar marcadas na sua lembrança.


Ana Flávia Delsin: Posso dizer que com certeza foi a experiência mais incrível que já vivi na minha vida. Poder ver como tudo funciona por trás de uma empresa tão incrível e saber que você é um dos responsáveis por fazer com que aquele lugar seja todos os dias o mais mágico do mundo, não tem preço. Eu trabalhava como Merchan, que é o trabalho nas lojas de todo o complexo e meu local de trabalho principal era a World of Disney, no Disney Springs, que é a maior loja Disney do mundo. Comigo trabalhavam mais 12 meninas brasileiras e era muito dinâmico, tinham muitas posições que nós podíamos ter, como ficar no caixa, ajudar os guests em alguma área da loja, repor os produtos, organizar os produtos de forma perfeita, entre várias outras, e além disso, nós atendíamos muitos guests todos os dias (um dia nossa loja bateu a mesma lotação do Epcot) e eram pessoas de todas as idades, de todas as partes do mundo, e com muitas histórias para compartilhar. A interação com eles era incrível! 


Além da WoD, eu consegui trabalhar em mais 13 locais diferentes, em todos os 4 parques e também na ESPN Wide World of Sports. Cada lugar da Disney me trouxe experiências únicas, e uma das mais especiais foi quando trabalhei na Star Wars Galactic Outpost, no Disney Springs, no dia do natal. Uma família brasileira me pediu para que eu montasse o sabe de luz do filho deles, que era cego, enquanto eu descrevia para ele todas as peças que eu estava colocando e como o sabre de luz dele estava ficando. O sorriso que eu recebi dele e a gratidão que a família ficou pelo tempo e carinho que eu dediquei são o tipo de coisa que fazem o trabalho na Disney valer a pena. Trabalhar lá é ver que pequenas ações suas podem mudar o dia de alguém e transformar a viagem para a Disney em um sonho e uma memória incrível pra sempre pra aqueles guests. 


Eu descobri detalhes imperceptíveis em todos os parques, e em todas as ações dos cast members, que são pensados pra que cada experiência lá seja 100% incrível, e é isso que faz da Disney única. 

Viva Disney e Orlando: Quais as dificuldades que você mais enfrentou?


Ana Flávia Delsin: Acho que trabalhar em outro país já é uma dificuldade grande, ter rotinas e obrigações é bastante diferente de estar lá como turista. O trabalho na Disney é muito mágico e especial, mas demanda bastante esforço físico. Em todas as funções que podemos exercer lá (trabalhar na lojas, nos restaurantes, nas atrações, cuidar dos personagens, entre outras) passamos horas seguidas em pé, carregamos produtos muitas vezes pesados, e lidamos com diversas situações que nos exigem esse esforço. Ao final do dia estamos exaustos, mas a magia do lugar e o apoio de pessoas especiais que estão com a gente no programa nos dão força pra começar todo dia muito dispostos a criar felicidade, que é o nosso objetivo! 



Viva Disney e Orlando: Conte como foi o processo seletivo?


Ana Flávia Delsin: O processo seletivo do ICP no Brasil é guiado pela STB e é dividido em algumas etapas. Mais ou menos em abril abrem as inscrições para as palestras da STB, que são obrigatórias para participar do processo. Essas palestras acontecem em algumas capitais do país apenas e esgotam em menos de 10 minutos, é a fase mais concorrida do programa. Nessa palestra, é explicado como o programa daquele ano vai funcionar, quais são os custos, as funções disponíveis para nós e várias outras informações. Depois disso, na mesma semana acontece a 1ª entrevista, que é feita em duplas ou trios, totalmente em inglês. Na minha entrevista me perguntaram sobre o básico do meu currículo, porque eu queria trabalhar na Disney, quais as roles (assim são chamadas as funções que os cast members exercem) que eu mais queria ter, perguntas desse tipo. Depois disso, se você for aprovado na 1ª fase, mais ou menos em agosto acontece a 2ª entrevista, exclusivamente em São Paulo na sede da Disney Company, e dessa vez com os recrutadores americanos da Disney. Essa entrevista é individual, mais longa e as perguntas variam muito, mas num geral são sobre suas experiências, o que te levou a querer trabalhar na Disney, suas percepções de como vai ser o trabalho, e as vezes algumas situações problemas hipotéticas que podem acontecer por lá. Vale lembrar que nós listamos nossas preferências de trabalho, mas que são os recrutadores que escolhem, e não a gente. Entre agosto e setembro saem os resultados finais e os embarques geralmente acontecem entre o meio de novembro e o começo de dezembro. Eu trabalhei lá de 2 de dezembro a 30 de janeiro!

Viva Disney e Orlando: Que dicas você daria para alguém que quer viver essa experiência?


Ana Flávia Delsin: Eu diria para mergulhar nessa e não desistir até conseguir! Eu fui aprovada na primeira tentativa, mas tenho muitos amigos que tentaram 3 vezes ou mais, então nunca desista! Vá sabendo que apesar de termos passe livre para todos os parques todos os dias (SIM!!), não é uma temporada de férias na Disney: é um trabalho! Mas que você vai vivenciar coisas que nada no mundo pode pagar. Sorrisos de crianças, realização de sonhos acontecendo na sua frente, momentos mágicos que você nunca vai viver em outro lugar. Cada minuto e cada esforço valem muito a pena. Estejam abertos para viverem qualquer tipo de experiência, todos os tipos de trabalho e aproveitem cada um desses momentos. 



Viva Disney e Orlando: O que a Disney representa para você?


Ana Flávia Delsin: Hoje a Disney pra mim se transformou em minha segunda casa. Vivi alguns dos momentos mais felizes da minha vida lá, conheço cada cantinho e me sinto muito à vontade. Fiz o programa junto com meu namorado, o que por si só já foi um conto de fadas da vida real, e conheci pessoas incríveis que vou levar pra vida toda. Mesmo depois de trabalhar lá, a Disney nunca perdeu a magia, eu ainda transbordava felicidade cada um dos dias que entrava em um parque. E hoje, além do encanto, enxergo a Disney como empresa, que tem uma trajetória incrível e que nunca deixou de pensar em cada detalhe. Em cada notícia, cada nova atração, cada nova descoberta, eu olho e penso: só poderia ser Disney mesmo! 

Descubra a magia


A agência que realiza o processo seletivo para trabalhar na Disney é a STB. Você já conferiu o nosso ebook com dicas de inglês para os parques? Veja nesse link aqui.

Quem escreve 

Viajar com a família para Orlando é o hobby que eu, Pablo Mingoti, mais gosto de fazer durante as férias. Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina e graduado em Direito pela Faculdade CESUSC, separo um espaço na minha rotina para compartilhar as experiências e ajudar os brasileiros que viajam para o destino mais encantador do mundo.

Read More

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone LinkedIn
Receba Novidades 

© 2018 by Viva Disney e Orlando. Proudly created with Wix.com