• Pablo Mingoti

As possíveis medidas que serão adotadas na reabertura dos parques

Máscaras, limitação de entrada, filas virtuais estão entre as medidas



Os Estados Unidos estão em período de isolamento social e de quarentena em várias cidades, inclusive Orlando, mas já está sendo anunciado um retorno gradual de atividades econômicas, entre elas turísticas. Na Flórida, um comitê foi organizado com a presença de 50 representantes de setores da economia para discutir uma reabertura gradual e segura.


Essa reabertura provavelmente acontecerá para residentes das cidades, depois para moradores dos Estados Unidos e, por último, para viajantes internacionais. Além disso, no início de abril, Bob Iger, executivo da Disney informou que está em análise a medição de temperatura das pessoas que entrarem nos parques e que essa ação fará parte de um ritual, como a vistoria das mochilas que já existe há anos na entrada de cada parque.



Além disso, o comitê está discutindo os procedimentos que serão adotados na reabertura. De acordo com o site The Kingdom Insider, o CEO da Universal Orlando divulgou, que as pessoas poderão esperar filas virtuais expandidas, estilo FastPass, assentos escalonados em passeios, pedidos de comida online e multidões limitadas. Além disso, poderá ser necessário o uso de máscaras por funcionários e visitantes, espaço maior entre os visitantes que estiverem em filas e o aumento da limpeza diária dos parques devendo ocorrer durante o dia para que as pessoas se sintam seguras.


“Ainda não temos certeza de como vamos fazer isso, mas estamos procurando ajuda das autoridades de saúde para nos ajudar a descobrir qual pode ser um protocolo apropriado para tentar minimizar a possibilidade de qualquer hóspede doente entrar nos parques, disse o CEO da Universal, John Sprouls.


No comitê está se discutindo também como serão medidas adotas para quando jogos, como do NBA, retornarem e também ações para serem realizadas no aeroporto quando os voos retornarem a um número considerável. Não foi definido nenhuma data para a reabertura dos parques, mas a discussão principal no comitê tem focado em fazer com que visitantes se sintam seguros, pois os representantes da economia sabem que caso não se sintam confortáveis, não haverá visitas aos parques.

Quem escreve 

Viajar com a família para Orlando é o hobby que eu, Pablo Mingoti, mais gosto de fazer durante as férias. Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina e estudante de Direito da Faculdade CESUSC, separo um espaço na minha rotina para compartilhar as experiências e ajudar os brasileiros que viajam para o destino mais encantador do mundo.

Read More

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone LinkedIn
Receba Novidades 

© 2018 by Viva Disney e Orlando. Proudly created with Wix.com