Quem escreve 

Viajar com a família para Orlando é o hobby que eu, Pablo Mingoti, mais gosto de fazer durante as férias. Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina e estudante de Direito da Faculdade CESUSC, separo um espaço na minha rotina para compartilhar as experiências e ajudar os brasileiros que viajam para o destino mais encantador do mundo.

Read More

Receba Novidades 
  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone LinkedIn

© 2018 by Viva Disney e Orlando. Proudly created with Wix.com

  • Pablo Mingoti

Como funciona a compra de ingressos da Disney

O preço varia de acordo com a data da visita


Em 2018, a Disney realizou uma grande mudança nos ingressos e agora há uma data marcada para o início da utilização. Isso quer dizer que na hora da compra, no site ou com o agente de viagens, o hóspede precisa informar quando será o primeiro dia que vai usar ingresso. Caso haja uma mudança de planos, é possível alterar a data do ingresso pelo My Disney Experience, mas se for mais barato não haverá reembolso e se for mais caro, será preciso pagar esse valor a mais.


O preço dos ingressos é de acordo com a data da visita. Isso quer dizer que os ingressos de dois ou mais dias possuem um preço diferenciado dependendo do dia da semana e da época em que se está viajando. Então, se o turista deseja visitar a Disney na alta temporada, pagará ingressos mais caros do que na baixa temporada.


O tempo para a utilização do ingresso funcionada seguinte maneira:


  1. Ingresso de 2 dias: validade de 4 dias corridos

  2. Ingresso de 3 dias: validade de 5 dias corridos

  3. Ingresso de 4 dias: validade de 7 dias corridos

  4. Ingresso de 5 dias: validade de 8 dias corridos

  5. Ingresso de 6 dias: validade de 9 dias corridos

  6. Ingresso de 7 dias: validade de 10 dias corridos

  7. Ingresso de 8 dias: validade de 12 dias corridos

  8. Ingresso de 9 dias: validade de 13 dias corridos

  9. Ingresso de 10 dias: validade de 14 dias corridos


Obs: Para o ingresso Hopper Plus, os visitantes ganham um dia a mais de validade dos citados acima.


Exemplo: Um ingresso comum de 3 dias tem validade de 5 dias corridos e você definiu na hora da compra que o primeiro dia de utilização é 15 de novembro. Então, você terá até 20 de novembro para utilizar, ou seja, visitar os parques que você deseja. Se por ventura, ocorrer algum imprevisto e você não conseguir ir no dia 15, pode muito bem ir no dia seguinte, 16. Porém o dia final de uso continua sendo 20 de novembro.




Quem deseja ter a flexibilidade, poderá adquirir o ingresso premium que pode ser usado em qualquer data e com 14 dias de validade corridos. Porém, o valor é mais alto, cerca de até 80 dólares a mais que o comum. Mas vale a dica que há promoções ao longo do ano para esse tipo de ingresso.


Informações extras:

  1. Os hóspedes da Disney não tem condições especiais, será igual

  2. Se quiser alterar o ingresso, o visitante poderá fazer alterações no My Disney Experience ou no Guest Relations dos parques ou Disney Springs, desde que faça as devidas mudanças antes do último dia de utilização.

  3. Esse esquema dos ingressos da Disney demanda um maior planejamento do visitante, pois dependendo da época do ano, poderá haver uma diferença significativa de valores por pessoa.

  4. Com essa mudança, a Disney pretende distribuir mais a lotação dos parques, ou seja, evitar que em baixa temporada, os parques fiquem vazios e em alta temporada, lotados.


Descubra Mais

Se você deseja saber mais sobre as notícias de Orlando, veja aqui.